Um Telhado e Uma Cerca

A porção desta semana da Torá contém um mandamento envolvendo cuidados com o telhado, no sentido de laje, para que ninguém caia dele. “Quando construir uma nova casa, você deve colocar um parapeito ou uma cerca ao redor da laje (telhado). Não permita que uma situação perigosa exista em sua casa, pois alguém pode cair de [um telhado sem proteção].

Uma cerca é colocada ao redor do telhado não apenas para auto-proteção, porém mais ainda para proteger outros de caírem do telhado.

Um telhado – a parte mais alta da casa – indica egoísmo e vaidade. Colocar uma cerca ao redor do telhado significa que alguém deve confinar estes traços indesejáveis. Isso precisa ser feito “pois alguém pode cair [de um telhado não cercado]” i.e., os traços do egoísmo e vaidade estão na raiz de toda queda espiritual; todos os traços negativos derivam deles.

A “cerca” colocada ao redor do egoísmo e vaidade é importante para proteger a própria pessoa dos traços negativos. É importante também à medida em que se relaciona com outro judeu; é necessário assegurar que a pessoa não esteja repleta de vaidade quando ao ensinar ou envolver seu irmão judeu com o Judaísmo.

Temos certeza de que a cerca fará seu trabalho, pois a ordem começa com uma bênção e uma ordem: “Construirás uma nova casa.” Um judeu pode e deve construir uma casa para D’us, criando um ambiente de Judaísmo. Ele não pode confiar em outros, mas deve construir uma “nova casa” – uma casa que seja somente sua. Uma cerca pode e deve ser feita (humildade). A linguagem afirmativa nos assegura que seremos bem sucedidos nesse empreendimento.